Google+ Followers

sábado, 24 de outubro de 2015

Kasper, o papa "oculto": Em 1986 o Cardeal Kasper já, estranhamente, era influente em um Sínodo!



Em 1986 Dom Castro Mayer já relatava em um artigo seu, no monitor campista, a presença do herege Kasper como secretario do Sínodo de então:
 
" Para destacar a importância do Concílio Vaticano II, não bastou o sínodo especial convocado por João Paulo II. Julgou-se necessário colocar na assembleia um elemento central que desse unidade a toda a atividade sinodal. Criou-se um secretariado especial. Efeito lógico: esse secretariado seria o espelho de todo o sínodo...Pois o secretário especial do sínodo foi o professor de Tubingen, na Alemanha, Walter Kasper, "um teólogo"...tudo menos ortodoxo, um dos mais insolentes modernistas. Colhamos alguns exemplo nos vários livros que editou: " Do homem e o mundo não se pode subir a Deus( Introdução a fé)- O Vaticano I define precisamente o contrário, de maneira que é dogma de fé: " Deus princípio e fim de todas as coisas pode ser conhecido pela razão natural, a partir das coisas criadas". Kasper ignora e mesmo nega este dogma...de modo geral Kasper declara: "certos dogmas podem ser totalmente unilaterais, teimosos no desejo de ter sempre razão, estúpidos e precipitadamente prematuros(!) Os milagres de Jesus Cristo vão à conta de fantasias que pretendem exaltar Jesus Cristo.
 
...o fato de os promotores do Sínodo sobre o Vaticano II terem escolhido Kasper como o "teólogo" do sínodo indica a finalidade colimada por essa assembleia especial: a subversão da cristologia e da eclesiologia tradicional..." In: Monitor Campista - 13/04/1986; O pensamento de Dom Castro Mayer, textos selecionados, 1972-1989, Editora Permanência, Rio de Janeiro, 2010.

Novamente em um sínodo - agora em 2014/2015 - sobre a família Ksper aparece não mais como secretário mas como eminência parda

Para quem duvida sobre quem esta de fato mandando na Igreja basta ligar os pontos:

http://fratresinunum.com/2015/10/09/o-fator-kasper/

http://fratresinunum.com/2015/04/07/a-revolucao-eclesiastica-e-cultural-do-cardeal-walter-kasper/

Quem manda na Igreja hoje é Kasper, o "papa" oculto!